Novo

Livro Físico Alguma Poesia Carlos Drummond De Andrade

14 reales con 46 centavos

em 3x 5 reales con 33 centavos

Chegará amanhã com Mercado Envios

Somente para SP capital e regiões da Grande SP, Rio de Janeiro e Curitiba

Comprando dentro das próximas 12 h 5 min

Benefício Mercado Pontos

Retire a partir de terça-feira em uma agência Mercado Livre

Comprando dentro das próximas 12 h 5 min

Benefício Mercado Pontos

Ver no mapa

Estoque disponível

Devolução grátis

Você tem 30 dias a partir do recebimento do produto para devolvê-lo, não importa o motivo!

Garantia

Compra Garantida com o Mercado Pago

Receba o produto que está esperando ou devolvemos o seu dinheiro

Garantia da loja

Garantia do vendedor: 3 meses

Características principais

Título do livroAlguma Poesia
AutorCarlos Drummond de Andrade
IdiomaPortuguês
Editora do livroCia das Letras
MarcaCia das Letras

Outras características

  • Altura: 2 cm

  • Largura: 13 cm

  • Peso: 381 g

  • Gênero do livro: Poesia

  • Tipo de narração: Conto

  • Idade mínima recomendada: 6 anos

  • Idade máxima recomendada: 99 anos

  • ISBN: 9788535922837

Descrição

ALGUMA POESIA
 
Carlos Drummond de Andrade
 
# poesia , amor , frases , poema , vida , literatura , poeta , love , brasil , versos , arte
 
Sinopse
Publicado em 1930, numa pequena tiragem não comercial de apenas quinhentos exemplares - sob os auspícios de uma certa edições Pindorama, pura ficção jocosa -, Alguma poesia assinala a estreia de um autor que, então com 28 anos, iria revolucionar a poesia de língua portuguesa no século XX. Não é para menos. Com peças como “Poema de sete faces”, “Infância”, “No meio do caminho”, “O sobrevivente”, entre tantos outros textos decisivos, o livro demonstra já a enorme maturidade do jovem Drummond, ainda estabelecido em Belo Horizonte.
Dois anos antes, Drummond havia causado escândalo entre as hostes literárias ao publicar, na Revista de Antropofagia, o poema “No meio do caminho”. Era o início da carreira de escândalo do poema, reconstruída na década de 1960 pelo próprio autor em um livro que reuniria os ataques, as paródias e as contendas relacionadas ao poema.
Mas para além da polêmica, Alguma poesia já apresenta aquilo de melhor que Carlos Drummond de Andrade iria oferecer ao longo de quase 60 anos de uma das carreiras mais fecundas da literatura moderna: o lirismo, o humor, o tom meditativo e irônico, a observação desencantada dos fatos, o sensualismo, a reflexão aguda sobre o amor e a morte.
Contando com um posfácio do poeta e crítico Eucanaã Ferraz, um dos grandes intérpretes da obra drummondiana nos tempos atuais, esta edição de Alguma poesia, com texto estabelecido e caderno de imagens, é uma nova - e extraordinária - oportunidade para o leitor brasileiro entrar em contato com um de seus grandes autores. E é uma promessa de reencontro para todos aqueles que desejam ler alguns dos mais emblemáticos poetas da nossa literatura.
 
Dados do Livro
Título original: ALGUMA POESIA
Capa: warrakloureiro
Páginas: 120
Formato: 13.70 x 21.00 cm
Peso: 0.181 kg
Acabamento: Brochura
Lançamento: 28/06/2013
ISBN: 9788535922837
Selo: Companhia das Letras
 
 
Sobre o (a) Autor (a)
CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE
Carlos Drummond de Andrade (1902–1987). Foi um dos maiores poetas brasileiros do século XX. "No meio do caminho tinha uma pedra / tinha uma pedra no meio do caminho". Este é um trecho de uma das poesias de Drummond, que marcou o 2º Tempo do Modernismo no Brasil.